Dinheiro esquecido do banco central como consultar e resgatar o seu saldo - Cartão de Crédito Guia

Dinheiro esquecido do banco central como consultar e resgatar o seu saldo

Você sabia que pode ter dinheiro esquecido no banco central e nem se dar conta?

Anúncios

Isso mesmo, milhões de brasileiros têm direito a receber valores que foram transferidos para o banco central por diversos motivos e que estão parados há anos. Esses valores podem ser de contas inativas, depósitos judiciais, restituições de impostos, entre outros.

Mas como saber se você tem dinheiro esquecido no banco central? E como fazer para resgatá-lo? Neste artigo, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre esse assunto e mostrar os benefícios de recuperar esse dinheiro. Além disso, vamos orientar você a evitar que tenha dinheiro esquecido no banco central no futuro. Acompanhe!

O que é o dinheiro esquecido do banco central

O dinheiro esquecido do banco central é aquele que foi transferido para o banco central por alguma instituição financeira ou órgão público e que não foi reclamado pelo seu titular. Isso pode acontecer por vários motivos, como:

  • Contas inativas: são aquelas contas bancárias que não têm movimentação há mais de três anos e que são encerradas pelo banco. O saldo dessas contas é transferido para o banco central e fica disponível para resgate pelo titular ou seus herdeiros.
  • Depósitos judiciais: são aqueles valores depositados em juízo para garantir o pagamento de uma dívida ou de uma indenização. Esses valores são transferidos para o banco central após o encerramento do processo judicial e ficam disponíveis para resgate pelo credor ou pelo devedor, conforme o caso.
  • Restituições de impostos: são aqueles valores devolvidos pelo governo aos contribuintes que pagaram impostos a mais ou que têm direito a algum benefício fiscal. Esses valores são transferidos para o banco central quando não são sacados pelo contribuinte dentro do prazo estabelecido pela Receita Federal.
  • Outros tipos de valores: existem outros tipos de valores que podem ser transferidos para o banco central e que ficam esquecidos, como dividendos de ações, cotas de fundos, prêmios de loterias, saldos de FGTS, PIS/PASEP, entre outros.

Esses valores ficam disponíveis para resgate pelo seu titular ou seus herdeiros por um prazo indeterminado. Ou seja, não há prescrição ou decadência para reclamar esse dinheiro. No entanto, quanto mais tempo ele fica parado no banco central, mais ele perde poder de compra e oportunidades.

Segundo dados do próprio banco central, há cerca de R$ 8 bilhões em dinheiro esquecido no banco central atualmente. A média é de R$ 1.200 por pessoa. Por isso, vale a pena verificar se você tem algum valor a receber e resgatá-lo o quanto antes.

Como consultar o seu saldo de dinheiro esquecido do banco central

Para consultar se você tem algum saldo de dinheiro esquecido no banco central, você precisa acessar o site do banco central e preencher alguns dados pessoais. O procedimento é simples e gratuito. Veja o passo a passo:

  • Acesse o site do banco central (www.bcb.gov.br) e clique na opção “Cidadão”.
  • Em seguida, clique na opção “Consulta ao cidadão”.
  • Depois, clique na opção “Valores em instituições financeiras”.
  • Você será direcionado para uma página onde deverá informar o seu CPF ou CNPJ e a sua data de nascimento ou constituição.
  • Após preencher os dados solicitados, clique em “Consultar”.
  • Você verá na tela o resultado da consulta, indicando se há ou não saldo a receber em alguma instituição financeira.
  • Se houver saldo a receber, você verá também o nome da instituição financeira onde o valor está depositado e o código da agência responsável pelo pagamento.

Como resgatar o seu saldo de dinheiro esquecido do banco central

Se você verificou que tem algum saldo de dinheiro esquecido no banco central, você deve providenciar o resgate desse valor o quanto antes. Para isso, você precisa entrar em contato com a instituição financeira onde o valor está depositado e solicitar o pagamento. Você pode fazer isso de diferentes formas, como por telefone, e-mail ou pessoalmente. Veja como proceder:

  • Anote o nome da instituição financeira e o código da agência responsável pelo pagamento do seu saldo.
  • Entre em contato com a instituição financeira e informe que você tem um saldo a receber no banco central. Você pode consultar os telefones e e-mails das instituições financeiras no site do banco central (www.bcb.gov.br) ou na lista telefônica.
  • Solicite o pagamento do seu saldo e informe os seus dados pessoais e bancários. Você pode escolher como receber o valor, como por transferência bancária, saque em espécie ou outra forma disponível pela instituição financeira.
  • Comprove a sua titularidade do saldo. Você pode precisar apresentar documentos como RG, CPF, comprovante de residência, extrato bancário, entre outros. A instituição financeira irá informar quais documentos são necessários e como enviá-los ou apresentá-los.
  • Receba o valor do seu saldo. Após comprovar a sua titularidade do saldo, a instituição financeira irá liberar o pagamento do valor para você. O prazo para receber o valor pode variar de acordo com a instituição financeira e a forma de pagamento escolhida.

Quais são os benefícios de resgatar o dinheiro esquecido do banco central

Resgatar o dinheiro esquecido do banco central pode trazer vários benefícios para você e para a sua vida financeira. Veja alguns deles:

  • Aumentar a sua renda: resgatar o dinheiro esquecido do banco central pode significar um aumento na sua renda mensal ou anual. Você pode usar esse dinheiro para complementar o seu orçamento, pagar as contas, fazer compras, entre outras coisas.
  • Realizar sonhos: resgatar o dinheiro esquecido do banco central pode ajudar você a realizar sonhos que dependem de dinheiro, como viajar, estudar, casar, reformar a casa, comprar um carro, entre outros.
  • Quitar dívidas: resgatar o dinheiro esquecido do banco central pode ser uma oportunidade de quitar dívidas que estão pesando no seu bolso e atrapalhando a sua saúde financeira. Você pode negociar com os credores e conseguir descontos ou condições melhores de pagamento.
  • Investir: resgatar o dinheiro esquecido do banco central pode ser uma chance de investir e fazer o seu dinheiro render mais. Você pode aplicar o valor em algum investimento que esteja de acordo com o seu perfil e os seus objetivos financeiros.

Quais são os riscos de deixar o dinheiro esquecido no banco central

Deixar o dinheiro esquecido no banco central pode trazer vários riscos para você e para a sua vida financeira. Veja alguns deles:

  • Perder poder de compra: deixar o dinheiro esquecido no banco central significa perder poder de compra ao longo do tempo. Isso porque esse dinheiro não é corrigido pela inflação nem por nenhum outro índice econômico. Ou seja, ele vale menos hoje do que valia quando foi transferido para o banco central.
  • Desperdiçar oportunidades: deixar o dinheiro esquecido no banco central significa desperdiçar oportunidades de usar esse dinheiro para melhorar a sua vida financeira ou realizar os seus sonhos. Você poderia estar usando esse dinheiro para investir, quitar dívidas, aumentar a sua renda ou fazer algo que você deseja.
  • Correr riscos jurídicos: deixar o dinheiro esquecido no banco central significa correr riscos jurídicos de perder esse dinheiro para outras pessoas ou entidades. Isso pode acontecer se você não tiver herdeiros legítimos ou se houver alguma disputa judicial envolvendo esse dinheiro.

Conclusão

Como você viu neste artigo, resgatar o dinheiro esquecido do banco central pode ser uma ótima oportunidade para melhorar a sua vida financeira e realizar os seus sonhos. Além disso, você pode evitar os riscos de perder poder de compra, desperdiçar oportunidades, correr riscos jurídicos e prejudicar a economia.

Por isso, não perca tempo e faça já a sua consulta no site do banco central. Você pode ter uma grata surpresa e descobrir que tem um valor a receber que você nem imaginava. E se tiver, não deixe de resgatá-lo o quanto antes e aproveitar esse dinheiro da melhor forma possível.

Esperamos que este artigo tenha sido útil para você. Se gostou, compartilhe nas suas redes sociais ou deixe um comentário abaixo. E se tiver alguma dúvida ou sugestão, fique à vontade para entrar em contato conosco. Até a próxima!

Wanderson

ad516503a11cd5ca435acc9bb6523536?s=150&d=mm&r=gforcedefault=1

Compartilhar:
Wanderson
Wanderson
Aviso Legal: O Portal CCGUIA se dedica a fornecer conteúdo caráter informativo, que inclui desde explorações de temas atuais até reflexões e visões gerais sobre os assuntos abordados. Não temos vínculos com instituições governamentais ou financeiras, não realizamos leilões, nem oferecemos benefícios governamentais ou qualquer tipo de produto. Nosso objetivo é exclusivamente educativo e informativo. Não solicitamos pagamentos ou dados pessoais dos usuários. Ressaltamos que o conteúdo do portal é destinado apenas para fins informativos e não substitui a consulta a um profissional especializado.

0

Aguarde um Momento